"Britney Vs. Spears", documentário original da Netflix, estreou-se esta terça-feira, dia 28 de setembro, no serviço de streaming. Na produção, a jornalista Jenny Eliscu e a cineasta Erin Lee Carr investigam a luta da cantora pela liberdade com base em entrevistas exclusivas e provas confidenciais.

"Britney Spears é conhecida no mundo inteiro como artista e ícone. Mas, durante os últimos anos, o nome dela foi publicamente associado a um termo peculiar: tutela. 'Britney vs. Spears' conta a surpreendente história de vida de Britney e da sua busca pública e privada pela liberdade", resume a Netflix.

Com recurso a um extenso trabalho de investigação, entrevistas exclusivas e novos documentos, esta longa-metragem da Netflix pinta um retrato "fiel da trajetória da estrela da pop, desde que era uma simples menina, até se tornar uma mulher encurralada pela fama, pela família e pelo seu próprio estatuto legal".

O documentário acompanha a vida de Britney Spears sem utilizar as imagens traumáticas que a definiram anteriormente. A realizadora Erin Lee Carr ("How To Fix a Drug Scandal" e "Dinheiro Sujo") e a jornalista Jenny Eliscu exploram a fundo a complexa história da tutela que se manteve por mais de 13 anos.

"O documentário revela um percurso chocante, com velhos e novos intervenientes, encontros secretos e a luta de Britney nos bastidores para alcançar a autonomia própria. Entre mensagens de texto, uma mensagem de voz e novas entrevistas com figuras centrais nos acontecimentos, o filme deixa bem claro o que a própria Britney já tinha afirmado: a história inteira ainda está por contar", remata a Netflix.

Tudo o que se passa à frente e atrás das câmaras!

Receba o melhor do SAPO Mag, semanalmente, no seu email.

Os temas quentes do cinema, da TV e da música!

Ative as notificações do SAPO Mag.

O que está a dar na TV, no cinema e na música!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOmag nas suas publicações.