De acordo com o próprio músico, a razão do adiamento prende-se com a disseminação da pandemia de COVID-19 na cidade .

De acordo com a sala nova-iorquina, Barbosa vai interpretar os quartetos com flauta em Dó e Ré maior, de Mozart, um arranjo de “Quarteto Americano”, de Dvořák, bem como a estreia mundial de uma obra do espanhol Pablo Díaz para flauta.

Segundo o músico, o concerto vai marcar a estreia de um flautista português no Carnegie Hall, sala que tem recebido vários nomes nacionais ao longo das décadas, desde as fadistas Amália e Celeste Rodrigues ao pianista Vasco Dantas, passando pelo fagotista Rui Lopes, entre muitos outros.

Tudo o que se passa à frente e atrás das câmaras!

Receba o melhor do SAPO Mag, semanalmente, no seu email.

Os temas quentes do cinema, da TV e da música!

Ative as notificações do SAPO Mag.

O que está a dar na TV, no cinema e na música!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOmag nas suas publicações.