Não faltam no cinema versões de qualidade de
«Notre-Dame de Paris», o célebre romance de
Victor Hugo passado no século XV, sobre o corcunda e deformado sineiro Quasimodo, que se apaixona pela cigana Esmeralda, objecto de paixões proibidas por homens tão poderosos como o Arcebispo de Notre-Dame. Mesmo assim,
Tim Burton poderá voltar ao livro se aprovar o argumento actualmente a ser desenvolvido por Kieran and Michele Mulroney, autores do argumento da sequela de
«Sherlock Holmes».

O projecto está a ser desenvolvido na Warner Bros. com
Josh Brolin como produtor e também como actor. Burton, que acaba de ter um dos seus maiores sucessos com a reinvenção de
«Alice no País das Maravilhas», está actualmente na pré-produção de «Dark Shadows» e tem vários projectos em carteira, como a nova versão de «A Bela Adormecida» e «A Família Addams».

O livro já teve várias adaptações ao cinema de qualidade, destacando-se
«Nossa Senhora de Paris» (1923), com
Lon Chaney como Quasimodo,
«Nossa Senhora de Paris» (1939), com
Charles Laughton no papel titular,
«Notre-Dame de Paris» (1956), com
Anthony Quinn como corcunda, e o filme animado da Disney de 1996
«O Corcunda de Notre Dame».

Tudo o que se passa à frente e atrás das câmaras!

Receba o melhor do SAPO Mag, semanalmente, no seu email.

Os temas quentes do cinema, da TV e da música!

Ative as notificações do SAPO Mag.

O que está a dar na TV, no cinema e na música!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOmag nas suas publicações.