Publicado pela Imprensa Nacional Casa da Moeda, em 2017, no âmbito do Grande Prémio de Teatro da Sociedade Portuguesa de Autores/Teatro Aberto (2016) o texto fala “do amor e dos seus desencontros”, num diálogo “intenso e enigmático entre dois homens de uma mesma mulher”, como se pode ler num comunicado de imprensa.

A peça convida a “uma meditação conjunta acerca das relações humanas, que aprofunda o poder das palavras num diálogo dominado pela ausência dessa mulher – e pelo amor”, acrescenta o mesmo texto, sobre o espetáculo de “teatro íntimo, de revelações e confidências, que suscita questões existenciais e sociais, geracionais e relacionais”.

Com interpretação de Eduardo Breda e João Melo, a peça pode ser vista nos dias 3 e 4 de dezembro, pelas 21h30, na Sala Estúdio do Teatro da Rainha.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.