Arlo Parks foi a vencedora do Mercury Prize 2021, galardão atribuído ao álbum de estreia da britânica de 21 anos, "Collapsed in Sunbeams". Editado em janeiro, o disco já tinha sido muito aclamado dentro e fora de portas, colocando a jovem cantautora e poeta entre as revelações do ano.

A vencedora foi anunciada numa cerimónia no Hammersmith Apollo, em Londres, na quinta-feira. Além do galardão, Arlo Parks também ganhará um prémio em dinheiro.

Criado em 1992, o Mercury Prize premeia todos os anos o melhor álbum de um artista britânico ou irlandês.

A lista 12 de nomeados da edição de 2021 foi revelada em julho e inclui nomes como a revelação Celeste ou os veteranos Mogwai. Laura Mvula e os Wolf Alice foram ambos nomeados pela terceira vez, destacando-se assim como os únicos artistas da história do Mercury Prize que foram nomeados por todos os seus álbuns - os Wolf Alice chegaram a vencer a edição de 2018, com o disco "Visions of a Life".

Nubya Garcia, Sault ou Black Country, New Road foram outros dos nomes selecionados por um júri independente habitualmente composto por jornalistas, radialistas, DJs e/ou músicos.

Os anteriores vencedores incluem nomes como PJ Harvey (a única artista a ganhar duas vezes), Alt-J, Portishead, Arctic Monkeys, The xx ou Franz Ferdinand. Michael Kiwanuka tinha sido o vencedor do ano passado, pelo álbum "KIWANUKA".

Recorde a lista completa de nomeados deste ano:

Arlo Parks – "Collapsed in Sunbeams" (vencedora)
Berwyn – "Demotape/Vega"
Black Country, New Road – "For the First Time"
Celeste – "Not Your Muse"
Floating Points, Pharoah Sanders and the London Symphony Orchestra – "Promises"
Ghetts – "Conflict of Interest"
Hannah Peel – "Fir Wave"
Laura Mvula – "Pink Noise"
Mogwai – "As the Love Continues"
Nubya Garcia – "Source"
Sault – "Untitled (Rise)"
Wolf Alice – "Blue Weekend"

Tudo o que se passa à frente e atrás das câmaras!

Receba o melhor do SAPO Mag, semanalmente, no seu email.

Os temas quentes do cinema, da TV e da música!

Ative as notificações do SAPO Mag.

O que está a dar na TV, no cinema e na música!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOmag nas suas publicações.