«Le Havre», de
Aki Kaurismäki e
«Pater», de
Alain Cavalier, foram os filmes da competição oficial que estiveram hoje sob todos os holofotes.

Mas o evento mais falado do dia foi a Palma de Ouro de carreira conquistada por
Jean-Paul Belmondo, pelo conjunto de sua obra, numa emotiva cerimónia no Palais des Festivals, antecedida por uma chegada com grande ovação dos fãs, que o tratam carinhosamente por «Bébel».

«Estou emocionado com esta Palma de Ouro, que me vai directo ao coração. Quero agradecer a todos os que estão aqui, os que conheço e os que não conheço. Um grande obrigado do fundo do meu coração!»

Tudo o que se passa à frente e atrás das câmaras!

Receba o melhor do SAPO Mag, semanalmente, no seu email.

Os temas quentes do cinema, da TV e da música!

Ative as notificações do SAPO Mag.

O que está a dar na TV, no cinema e na música!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOmag nas suas publicações.