com o apoio MEO
Adere à fibra do MEO desde €29,99/mês. Exclusivo Online.

¡Ay, Carmela!

¡Ay, Carmela!

¡Ay, Carmela!

¡Ay, Carmela!

Baseada na popular obra espanhola de teatro de Sanchís Sinisterra, com o mesmo titulo, Ay Carmela! conta a história de um grupo de comediantes que ameniza como pode os soldados republicanos durante a Guerra Civil já cansados de serem penalizados na fre

Espanha, 1938. Depois da chefia republicana os designar para a missão entreter com o seu espectáculo "Carmela y Paulino, varietés a lo fino" as tropa da primeira linha da frente, Carmela e Paulino, fartos de passar fome e frio decidem regressar a Valência na sua lastimosa furgoneta. Nesta viagem acompanha-os Gustavete, um rapaz mudo que encontraram perdido no campo. No meio do nevoeiro de uma noite fria de inverno, enganam-se no caminho. Encontram-se agora na "Zona Nacional" sendo detidos pelas tropas franquistas. Um cínico capitão ordena que sejam conduzidos à "escola", para que aprendam os modelos da Nova Espanha. Efectivamente o antigo grupo escolar é agora a prisão da cidade, onde se amontoavam os "rojos", com o presidente da câmara à cabeça, junto aos prisioneiros polacos das Brigadas Internacionais amando do seu oficial. O oficial e Carmela tornam-se 2bom amigos" sob o olhar enciumado de Paulino. Para todos eles as expectativas são nefastas

Notícias relacionadas

  • Ciclo do Cinema Espanhol regressa a Lisboa
    Após uma primeira edição de sucesso em 2008, o Ciclo de Cinema Espanhol «Contrastes: Entonces y Ahora» regressa ao Cinema São Jorge, com sete filmes que focam a Espanha do pós-guerra civil à actualidade.